SALSA

 

 

 

 

Nome científico: Petrosolium sativum

Características: Planta herbácea, bianual, com 75 cm ou mais de altura, haste glabra, fistulosa; folhas alternadas, amplixicaule, pinadas; flores amareladas;as sementes em umbelas achatadas, compactas.

Uso doméstico: De aroma suave e agradável, é indispensável no preparo de saladas, sopas, molhos e temperos em geral. Quando cozida, a salsa destaca o sabor do prato principal.É usada em sopas, assados e cozidos de carnes e frutos do mar, refogados na manteiga, saladas e legumes cozidos no vapor. Ela desidratada é usada para codimentar ou decorar, usada em berinjela, canapés, macarrão, salpicada sobre legumes, omeletes, ovos mexidos ou recheados, sobre carnes, aves,peixes e camarões..Faz parte do clássico Bouquet Garni (ramalhete normalmente formado por três ervas). 

Uso medicinal: Aperitivas, estimulantes, diuréticas e emenagogas. Exteriormente, em forma de cataplasma, as folhas machucadas ou pisadas limpam chagas e úlceras e facilitam sua cicatização. Também é recomendada em casos de febre, blenorragia, priapismo, uretrite, dispepsia, hidropisia, icterícia, intumescimento do fígado e do baço. Alivia o mau hálito quando mascada e promove o enriquecimento da pele.Com uso moderado, é indicada no tratamento de, inflamações das vias urinárias, cálculos renais, retenção de líquidos e distúrbios menstruais


VOLTAR